top of page

A Rainha do Xadrez

Uma das estampas mais queridas e versáteis do mundo, o xadrez é uma unanimidade. Na decoração, contamos com toda a expertise e bom gosto de uma profissional que é parceira há anos da Avanti: Suzana Schermann, designer de interiores, é famosa pela maestria com a qual mistura estampas, em especial as variadas versões e combinações dessa padronagem, criando ambientes aconchegantes e cheios de personalidade.


“Sou fã da Avanti, porque além da qualidade, ela me permite viajar nos desenhos xadrezes, meus prediletos, nas mais diversas combinações com a infinidade de cores que eles têm. Sempre perfeitos nos meus projetos!”, elogia Suzana. Ela assina projetos que transmitem charme e conforto, recheados de memória afetiva, em ambientações contemporâneas dos mais variados estilos, desde ambientes infantis encantadores a elegantes salas de estar.





Para homenagear a nossa “rainha do xadrez”, vamos contar o passado desta estampa secular, ilustrada com projetos assinados por Suzana. Confira!


Dos clãs ao trono


Uma estampa com história: dos clãs escoceses à realeza britânica, do movimento punk à decoração. O xadrez é uma padronagem clássica, versátil e atemporal. Na Avanti Tapetes, está presente em diversos modelos, que atendem aos mais variados projetos.


Uma das principais origens do xadrez que conhecemos hoje é o Tartan – originalmente, um tecido de lã leve, feito a partir de fios tingidos com corantes de base vegetal, que se cruzam criando diferentes padronagens. Esse tecido começou a fazer parte do vestuário escocês a partir do século XVIII, principalmente por clãs de caça, que o usava como forma de identificação. Já em meados do século XIX, o seu uso alcançou as classes mais altas: cada família nobre tinha um próprio padrão de listras verticais e horizontais, com cores e dimensões próprias – tradição preservada até hoje por alguns dos seus descendentes.


Não demorou muito para essa tradição alcançar a realeza britânica, à qual estão associadas duas estampas: Balmoral Tartan e Seafield Tartan (foto). A estampa passou a aparecer também no guarda-roupas feminino e, com o tempo, a não estar associada apenas à trama de lã, mas também a ser usada em outros tecidos.





Xadrez na moda


A estilista Coco Chanel foi a responsável por trazer o padrão tartan para a moda feminina, nos anos 1920, aplicando a estampa em peças como saias, calças, casacos e blusas de malha fina, criando um visual elegante e confortável. Nessa mesma época, a Burberry patenteou a tradicional estampa que aparecia no forro de seus trench coats, que se tornou um símbolo da marca reconhecido em todo o mundo, estampando diversas peças do vestuário.


Anos mais tarde, o xadrez seguiu sendo incorporado por vários estilistas às suas coleções, com as mais variadas abordagens. A estilista Vivenne Westwood foi uma das grandes precursoras da estética punk e underground, associando a estampa a peças em couro, aplicações de correntes e zíperes. Já Alexander McQueen resgatou o tartan clássico associado às suas origens escocesas, levando-o para as passarelas. Atualmente, ele é considerado uma estampa clássica e versátil: a moda adotou o xadrez, para além de seus simbolismos, tornando-o uma estampa universal e democrática.





Das passarelas para a decoração


Na decoração, o xadrez está presente nos mais diversos itens – como estofados, louças e revestimentos. Aqui na Avanti Tapetes, dispomos de variados modelos com padronagem xadrez, desde os mais discretos até os mais marcantes. Confira a seguir alguns dos nossos modelos, ambientados em projetos assinados pela Rainha do Xadrez, Suzana Schermann!






Curtiu a matéria? Confira no nosso blog as matérias anteriores e siga nosso instagram @avantitapetes!



Encontre o modelo perfeito para você:


RJ - CasaShopping: Av. Ayrton Senna, 2150 - Bloco H, Lojas H, I, J

Whatsapp para orçamentos: (21) 2108-8122


SP - Al. Gabriel Monteiro da Silva, 887 - Jardim América

Whatsapp para orçamentos: (11) 3060-2110

Comentários


bottom of page